Search
Close this search box.
Search
Close this search box.

Caminhoneiro é preso no Paraná por dirigir com índice de álcool 5 vezes maior do que o considerado crime

Motorista de 45 anos perdeu o controle do caminhão interditando totalmente a rodovia; bafômetro apontou 1,63 mg/l.

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) prendeu, na tarde de terça-feira (6), em Ponta Grossa (PR), um caminhoneiro embriagado.

Equipes da PRF foram acionadas para verificar um caminhão que estaria interditando totalmente o sentido capital da BR-376. O caminhão, que estava carregado com 32 toneladas de milho, estava parado sobre a via, causando um congestionamento de cerca de oito quilômetros. Um caminhão que seguia o mesmo sentido, ao tentar desviar do veículo, acabou atolando no canteiro central da rodovia.

O motorista profissional, de 45 anos, foi submetido ao bafômetro, que acusou o índice de 1,63 miligramas de álcool por litro de ar expelido dos pulmões (mg/l), valor cinco vezes superior ao índice considerado crime, que é de 0,34 mg/l. Ele carregou o caminhão em Tibagi (PR) e entregaria a mercadoria em Ponta Grossa, tendo percorrido cerca de 80 quilômetros, sob influência de bebida alcoólica.

Pelas redes sociais, usuários comentaram sobre as manobras do motorista que geraram temor nos motoristas que estavam próximos do veículo.

Ele foi detido e conduzido à polícia civil para o registro do crime de dirigir embriagado, que tem uma pena de detenção, de seis meses a três anos, multa e suspensão ou proibição de se obter a permissão ou a habilitação para dirigir veículo automotor. A autoridade policial arbitrou uma fiança de R$ 1.200,00, que ainda não foi paga até o final desta matéria.

Com informações da PRF

Veja também