sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Custos de produção de frangos e suínos caem em 2023

A redução dos custos foi influenciada por uma série de fatores, incluindo a queda dos preços dos insumos, como milho e soja.
Foto: Divulgação/Mapa
Foto: Divulgação/Mapa

Os custos de produção de suínos e frangos de corte encerraram 2023 com queda, segundo dados da Embrapa Suínos e Aves.

O custo de produção por quilo de suíno vivo chegou a R$ 6,20, uma redução de 23,16% em relação ao ano anterior.

Já o custo de produção do quilo de frango de corte vivo foi de R$ 4,41, uma queda de 20,33%.

A redução foi influenciada por uma série de fatores, incluindo a queda dos preços dos insumos, como milho e soja, e a mudança nos coeficientes técnicos utilizados para estimar os custos de produção.

Em dezembro, os custos de produção de suínos e frangos de corte registraram uma leve alta em relação ao mês anterior. O de suínos subiu 0,08%, para R$ 6,20, e o de frangos de corte subiu 0,06%, para R$ 4,41.

A Embrapa disponibiliza dados de custos de produção de suínos e frangos de corte para os estados de Santa Catarina e Paraná, maiores produtores e exportadores das proteínas no Brasil.

Os dados são uma referência para o setor produtivo, mas suinocultores independentes e avicultores sob contratos de integração devem acompanhar a evolução dos seus próprios custos de produção.

Com informações do Canal Rural

Veja também
Família morre ao cair em riacho com caminhão em SC

Família morre ao cair em riacho com caminhão em SC

Homem de 26 anos, mulher de 25 e criança de 10 foram encontrados sem vida depois do acidente.

Polícia prende três suspeitos de envolvimento em fuga de presídio de Mossoró

Polícia prende três suspeitos de envolvimento em fuga de presídio de Mossoró

Duas prisões foram feitas em flagrante e uma em cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Mercedes deve recuperar pelo menos 20 nascentes em 2024

Mercedes deve recuperar pelo menos 20 nascentes em 2024

Ação é parte de convênio com a Itaipu para instalar oito usinas de energia solar no município; investimento de R$ 2 milhões.