sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Inquérito aponta que morte de criança após brincadeira com calcário foi acidente, diz delegado

Laudo indicou que causa da morte foi asfixia por soterramento, segundo polícia. Delegado pediu arquivamento do inquérito.

Inquérito policial aponta que a morte de um menino de 7 anos após brincar com calcário no Paraná foi acidental. A informação foi repassada ao g1 pelo delegado da Polícia Civil Juarez Filho, responsável pelo caso.

O caso aconteceu no dia 3 de agosto na fazenda da família, em Ipiranga, nos Campos Gerais do Paraná, enquanto o pai do menino aplicava calcário na lavoura. O laudo pericial identificou que a causa da morte foi asfixia por soterramento.

Com o fim das investigações, o delegado pediu o arquivamento do inquérito.

“Verificamos que a carga não foi despejada sobre a criança, como suspeitou-se inicialmente. Pelos elementos coletados, a criança estava brincando e acabou aspirando calcário. O pai não teve dolo e nem culpa no acidente”, informa Juarez.

Relembre o caso
O menino morreu após brincar com uma carga de calcário que seria usada na fazenda da família.

Segundo o tio da criança, ela ficou sufocada após inalar o pó.

No Boletim de Ocorrência (B.O.) registrado pela Polícia Militar (PM) consta que o pai aplicava o produto na lavoura enquanto observava o menino brincando com o produto.

Em determinado momento, o pai viu que o menino estava “enterrado” no calcário e rapidamente o retirou do local e levou a criança para o hospital da cidade, segundo o boletim, onde foi constatada a morte da criança.

A família disse que não sabia dos riscos ao mexer com calcário e que tanto a vítima, quanto outras crianças da família tinham brincado com o material em outros momentos.

Dias depois da morte, o tio da criança publicou uma foto do menino brincando no calcário minutos antes de morrer.

“Essa foto foi a última e tirada minutos antes do teu trágico falecimento, ocasionado pela inalação de calcário, enquanto brincava. […] As lembranças que terei de você, meu querido, sempre serão as melhores”, diz a publicação.

Portal Guaíra com informações do G1

Veja também
TRE do Paraná marca julgamento de processo que pode cassar Moro para 1º de abril

TRE do Paraná marca julgamento de processo que pode cassar Moro para 1º de abril

Julgamento tinha sido adiado enquanto TRE aguardava nomeação de sétimo membro do colegiado.

Lula libera pagamento de R$ 20,5 bi em emendas no primeiro semestre após encontro com parlamentares

Lula libera pagamento de R$ 20,5 bi em emendas no primeiro semestre após encontro com parlamentares

Cronograma estava previsto na LDO, mas trecho foi vetado pelo presidente; acordo ocorre em busca de apoio de congressistas.

Condenado por estuprar e engravidar a própria filha, homem é preso 10 anos após crime em MS

Condenado por estuprar e engravidar a própria filha, homem é preso 10 anos após crime em MS

Conforme as informações divulgadas pela Polícia Civil, o homem foi sentenciado a 14 anos, 10 meses e 15 dias em regime fechado pelo crime de estupro.