Terça, 28 de Setembro de 2021
25°

Poucas nuvens

Nova Santa Rosa - PR

Educação Paraná

Em Medianeira, Estado anuncia retomada da obra do Centro de Educação Profissional

Com investimento previsto de R$ 7 milhões, obra paralisada em 2016 passará por nova licitação, que será lançada em outubro. O centro educacional va...

25/07/2021 às 22h10
Por: Redação Fonte: Secom Paraná
Compartilhe:
© Ari Dias/AEN
© Ari Dias/AEN

O governador em exercício Darci Piana anunciou neste domingo (25) a retomada das obras do Centro Estadual de Educação Profissional de Medianeira, na região Oeste. O espaço, que vai funcionar como um centro profissionalizante com capacidade para 1,2 mil alunos, estava com sua construção paralisada desde 2016.

Em visita no dia do aniversário da cidade, Piana anunciou que o lançamento do edital de licitação da obra está previsto para outubro, com investimento estimado em R$ 7 milhões. Medianeira completou 61 anos de emancipação.

“Não podemos deixar que um investimento dessa envergadura fique parado, principalmente na área da educação. Com isso, queremos gerar emprego e renda para a região. E o município recebe esse anúncio em um dia muito especial, no aniversário”, afirmou Darci Piana.

A construção do espaço atingiu 32,6% de execução e foi paralisada há cinco anos por rescisão contratual. Para sua retomada, a obra depende da revisão de projetos estruturais, parecer do Corpo de Bombeiros, vigilância sanitária, entre outras aprovações de projetos na prefeitura. Após a licitação, o projeto passa pelas etapas de contratação, fiscalização e execução da obra.

A previsão é que a construção seja retomada no primeiro semestre de 2022 e que leve 12 meses para conclusão. Com isso, a expectativa é inaugurar o centro no início de 2023.

A unidade vai disponibilizar cursos técnicos nos períodos diurno e noturno para a comunidade local, potencializando a qualificação da mão de obra na região. Os cursos são determinados pelo interesse produtivo da região, e serão discutidos. A gestão do local ficará por conta do Instituto Paranaense de Desenvolvimento Educacional (Fundepar). A grade curricular dos cursos e suas matrículas serão anunciadas próximas ao fim das obras.

“Tivemos a honra e a alegria de receber a notícia da retomada das obras da escola técnica. É uma estrutura grande, que vai gerar uma boa oportunidade de desenvolvimento. São pessoas que vão se qualificar para o mercado de trabalho. Novos postos estão surgindo no município e as pessoas precisam estar preparadas para essas oportunidades”, afirmou o prefeito de Medianeira, Antonio França.

O projeto do centro educacional prevê uma área construída de cerca de 6,5 mil metros quadrados, divididos em quatro blocos. O espaço será equipado com 12 salas de aula, sala de uso múltiplo, área administrativa, biblioteca, anfiteatro, banheiros, refeitório, cozinha, despensas, depósitos, quadra poliesportiva coberta, vestiários, laboratório de química, física, matemática, biologia e informática, além dos específicos para os cursos.

A parte externa do complexo ainda deve contar com guarita, bicicletário, estacionamento, passarela coberta ligando os blocos e pátio descoberto com auditório ao ar livre.

ESTRADAS RURAIS– Além do centro educacional, o secretário estadual de Infraestrutura e Logística, Sandro Alex, anunciou projetos para a pavimentação de diferentes trechos de estradas rurais do município. Os recursos são estimados em R$ 3,5 milhões.

Seis trechos de estradas rurais serão contemplados com a pavimentação em pedras poliédricas, totalizando 10 quilômetros. São eles: Linha São Brás, Linha Vitória, Linha Ouro Verde – Espigão Norte, Linha Sagrada Família, Linha Graça Aranha e Linha Morro da Salete.

“O setor produtivo precisa da infraestrutura para mobilidade e segurança, mas também para a competitividade. Quando você duplica uma via, faz um trevo ou um viaduto, você gera economia que fica no bolso de quem produz”, afirmou Sandro Alex.

“Estamos com trabalhos em todos os modais, desde o aéreo, trabalhando nos aeroportos de Foz do Iguaçu e de Cascavel, assim como estamos avançando na Nova Ferroeste, um sonho da região para chegar ao Porto de Paranaguá com um custo menor”, acrescentou.

O secretário lembrou que o projeto da nova ferrovia vai contar com um ramal que vem de Foz do Iguaçu, passa por Medianeira e segue para Cascavel e para o Litoral.

A comitiva também visitou as obras do Complexo Industrial Bom Jesus, da Cooperativa Agroindustrial Lar. Foto: Ari Dias/AEN

LAR– A comitiva também visitou as obras do Complexo Industrial Bom Jesus, da Cooperativa Agroindustrial Lar. Com investimento de R$ 350 milhões, a cooperativa está construindo uma nova estrutura para recepção e armazenagem de grãos, com capacidade para 180 mil toneladas e três fábricas de rações: uma para frangos (com capacidade para 42,5 mil toneladas por mês), uma para matrizes de aves (22,5 mil toneladas/mês) e uma para vitaminados (2 mil toneladas/mês).

Com conclusão prevista para 2024, é estimada a criação de 450 empregos diretos. As obras do complexo foram iniciadas em julho de 2020, e já estão concluídos quatro silos de 15 mil toneladas cada, além de uma estrutura de apoio.

A estrutura também será equipada com estacionamento para 210 caminhões graneleiros, posto de combustível; área de apoio para motoristas; oficina mecânica; balança, classificação dos grãos, tombador, moegas, secadores, silos, refeitórios e vestiários.

No total, o complexo tem cerca de 50 mil metros quadrados de área construída, em um terreno de 266 mil metros quadrados de área total. O projeto foi desenvolvido pelo escritório Pezzette Lee Arquitetura e Engenharia.

O Complexo Bom Jesus faz parte de outros investimentos da cooperativa no Paraná, que chegam a um total de R$ 2,4 bilhões.

“É uma alegria ver a cidade recebendo um investimento desse porte, que é apenas o início de outros investimentos que virão. Isso vai trazer 450 empregos diretos e mais milhares de outros indiretos. Medianeira está de parabéns por uma obra desta magnitude”, disse Darci Piana.

“No dia em que Medianeira faz 61 anos, a Lar se sente honrada em oferecer ao município uma obra que vai gerar tantos empregos. O investimento continua por mais três anos, mas já vamos iniciar as atividades com o milho, e em 2022, inaugurar dois dos postos de rações”, afirmou o diretor-presidente da Cooperativa Lar, Irineo da Costa Rodrigues.

PRESENÇAS– Compareceram ao evento o deputado estadual Hussein Bakri, líder do governo na Assembleia Legislativa; o deputado estadual Coronel Lee; o vice-prefeito de Medianeira, Evandro Mees; o presidente da Câmara Municipal de Medianeira, Marcos Berta; os prefeitos de Céu Azul (Laurindo Sperotto), Matelândia (Maximino Pietrobon), Ramilândia (Edson Dos Santos), Santa Terezinha do Itaipu (Karla Francieli Galende), Serranópolis do Iguaçu (Ivo Roberti) e São Miguel Do Iguaçu (Boaventura Manoel Motta); além de secretários municipais, vereadores de Medianeira, executivos da Lar e empresários da região.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Nova Santa Rosa - PR Atualizado às 01h26 - Fonte: ClimaTempo
25°
Poucas nuvens

Mín. 19° Máx. 34°

Qua 29°C 20°C
Qui 34°C 18°C
Sex 26°C 19°C
Sáb 24°C 17°C
Dom 35°C 24°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Ele1 - Criar site de notícias