Sexta, 16 de Abril de 2021 11:09
45 9 98504094
Saúde

Em SC, 44 pacientes morreram desde fevereiro no estado à espera de leitos especializados

Região Oeste não possui vagas de UTI SUS para pacientes da doença.

04/03/2021 06h00
Por: Redação Fonte: G1
(Foto: Joice Kroetz/Assessoria de Imprensa HRTGB/Divulgação)
(Foto: Joice Kroetz/Assessoria de Imprensa HRTGB/Divulgação)

Com a falta de leitos em Santa Catarina, seis pacientes da Covid-19 morreram em 24 horas na quarta-feira (3) em um único hospital enquanto aguardavam por transferência. No total, pelo menos 44 pessoas não resistiram à doença no estado durante a espera por um leito especializado, seja de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) ou de enfermaria, desde fevereiro.

A situação da pandemia se agravou em Santa Catarina, principalmente a partir de fevereiro, e há falta de leitos de UTI.

Até a noite de quarta, pelo menos 217 pessoas aguardavam para serem transferidas. A taxa de ocupação de leitos de UTI do Sistema Único de Saúde para adultos com Covid-19, era de 99,19%, com apenas uma vaga em todo o estado.

O hospital em que as seis pessoas morreram foi o Terezinha Gaio Basso, em São Miguel do Oeste, no Oeste catarinense. A unidade destacou que ninguém ficou sem assistência médica e todos receberam respiradores e medicamentos. Porém, todos estavam com estado de saúde grave e pioraram rapidamente. Eles foram atendidos no pronto socorro do hospital enquanto aguardavam transferência. Não foram passadas informações sobre as vítimas.

Nas últimas 24 horas, também houve uma morte de paciente que aguardava leito de UTI em Maravilha, também na região Oeste, no Hospital São José. A vítima foi um idoso de 63 anos morador de Chapecó, cidade a cerca de 80 quilômetros de Maravilha e que também possui um hospital, o Regional do Oeste, que está sem vagas. O Hospital São José também confirmou outros dois óbitos em fevereiro.

Não houve outras mortes de pacientes que esperavam por leito em Chapecó ou Xanxerê, outra cidade com hospital que oferece UTI-Covid no Oeste catarinense.

Com isso, Santa Catarina tem óbitos de pessoas que aguardavam por leito nas seguintes cidades:
- Chapecó - 12 mortes
- Xanxerê - 15 mortes
- Maravilha - 4 mortes
- São Miguel do Oeste - 12 mortes
- Itapema, no Litoral Norte - 1 morte

Apenas uma vaga em toda SC
De acordo com o governo do estado, Santa Catarina só tinha uma única vaga dos 806 leitos de UTI-Covid para adultos nesta quarta-feira (3). A atualização é das 11h09. O leitos disponível era no Hospital Bom Jesus, em Ituporanga, no Vale do Itajaí. Todas as outras regiões estavam com 100% de ocupação.

Transferência para o Espírito Santo
Santa Catarina começou na quarta (3) a transferência de pacientes com Covid-19 para UTI no Espírito Santo. O primeiro transporte foi feito pelo avião do Corpo de Bombeiros, que saiu por volta das 8h30 de Florianópolis e chegou às 9h45 em Chapecó, no Oeste, região com maior fila de espera no estado. A aeronave decolou da cidade às 10h50 com um paciente de 34 anos e chegou às 15h08 em Vitória, capital capixaba, informou o Corpo de Bombeiros.

Esta é a primeira vez, desde o início da pandemia, que Santa Catarina transfere pacientes com Covid-19 para outros estados. A Secretaria da Saúde de Espírito Santo ofereceu 16 leitos para catarinenses, então este deve ser o total de transferências que serão feitas.

'Não é exclusividade do estado', diz Moisés
O governador Carlos Moisés (PSL) esteve na terça (2) em Brasília em reunião com o ministro da saúde, Eduardo Pazuello. Em uma coletiva, Moisés comentou a falta de vagas no estado.

“O cenário nacional não é um cenário tranquilo. Nós estamos vendo que Santa Catarina realmente já tem algumas estruturas sem disponibilidade de vagas, mas isso não é uma exclusividade do nosso estado”, afirmou o governador catarinense.

Um decreto publicado pelo governo proíbe funcionamento de serviços não essenciais aos fins de semana e restringe a quantidade de pessoas em igrejas e ônibus, mesmo assim, houve flagrante de desrespeito. O governador diz que a rapidez da contaminação do vírus impressiona.

“Essa crise está se agravando numa velocidade nunca vista. Então surpreende de fato a velocidade da contaminação e de agravamento da doença numa faixa etária que não é mais aquela prioritária dos mais velhos, mas está atingindo também os jovens. O nosso caminho, de fato, é a construção da busca pela vacinação da nossa gente”, disse.

Até quarta (3), 268.134 doses da vacina contra a Covid-19 tinham sido aplicadas em Santa Catarina. Desse conjunto, 204.275 pessoas receberam a primeira dose e 63.859, também a segunda. Santa Catarina recebeu 91.200 doses da vacina CoronaVac nesta quarta. Conforme a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (Dive), o novo lote de imunizantes contra o novo coronavírus saiu de São Paulo e chegou ao aeroporto de Florianópolis por volta das 8h20.

 

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Nova Santa Rosa - PR
Atualizado às 10h59 - Fonte: Climatempo
27°
Muitas nuvens

Mín. 17° Máx. 27°

27° Sensação
12.4 km/h Vento
35.6% Umidade do ar
80% (15mm) Chance de chuva
Amanhã (17/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 27°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Domingo (18/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 17° Máx. 29°

Sol com algumas nuvens
Ele1 - Criar site de notícias