sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Para maior rendimento, lavoura de soja deve receber 700 mm de água

Pesquisadores da instituição alertam que determinadas condições, como operações mecanizadas paralelamente ao declive, causam perda de água

Os maiores rendimentos de grãos de soja foram obtidos com 650 a 700 mm de água, bem distribuídos ao longo de todo o ciclo. A constatação é baseada em trabalhos conduzidos na Embrapa Soja ao longo de 15 safras.

De acordo com o pesquisador José Renato Bouças Farias, o líquido desempenha a função de solvente, transportando gases, minerais e outros solutos na planta, além de atuar como regulador térmico, agindo tanto no resfriamento como na manutenção e na distribuição do calor.

“A disponibilidade de água é importante, principalmente em dois períodos do ciclo de desenvolvimento da soja: germinação-emergência e floração-final de enchimento de grãos”, diz Farias.

No entanto, de acordo com ele, para garantir máximo rendimento de grãos, a água necessária deve ser disponibilizada ao longo de todo o ciclo, a fim de atender as exigências da cultura, podendo ser suprida através da chuva, da irrigação ou pelo armazenamento de água no solo.

Só o plantio direto não resolve
A adoção do sistema plantio direto (SPD) de forma isolada não é, na maioria das situações, condição suficiente para o controle efetivo das perdas de água, solo e nutrientes por erosão hídrica.

“A falta de manutenção ou eliminação parcial ou total dos terraços, sem critério técnico, associada à realização das operações mecanizadas paralelamente ao declive, pode resultar em elevadas perdas de água, solo e nutrientes por erosão hídrica, mesmo em SPD, comprometendo a sustentabilidade do sistema de produção de soja”, explica o também pesquisador da Embrapa Soja, Júlio Franchini.

Perdas de soja por seca
De 2013 a 2021, 48% das coberturas deferidas por perda no Programa de Garantia da Atividade Agropecuária (Proagro) foram motivadas por seca, enquanto a chuva excessiva e as geadas representaram perdas de 20% e de 19%, respectivamente.

Além disso, a Embrapa Soja fez um levantamento na região Sul do Brasil e Mato Grosso do Sul, confirmando que a seca ocorrida nestes estados na safra 2021/22 reduziu a produção de soja em 403 milhões de sacas.

A soja é, atualmente, a cultura com a maior área cultivada (44 milhões de hectares) e produção (cerca de 155 milhões de toneladas) no Brasil. Esses números tornam o país o maior produtor e exportador mundial do grão.

Com informações da Embrapa

Veja também
O agronegócio brasileiro e o abandono da infraestrutura do País – Dilceu Sperafico

O agronegócio brasileiro e o abandono da infraestrutura do País – Dilceu Sperafico

O autor é deputado federal pelo Paraná e ex-chefe da Casa Civil do Governo do Estado.

Sancionado o programa “Inova Marechal” de estímulo à pesquisa e ao desenvolvimento

Sancionado o programa “Inova Marechal” de estímulo à pesquisa e ao desenvolvimento

Segundo o prefeito Marcio Rauber, a iniciativa do Poder Executivo foi pensada visando o crescimento do município, das empresas, na geração de empregos e renda, e reconhecendo o potencial econômico que o município tem, buscando impulsionar a prosperidade local e promover o avanço econômico da comunidade local.

TRE do Paraná marca julgamento de processo que pode cassar Moro para 1º de abril

TRE do Paraná marca julgamento de processo que pode cassar Moro para 1º de abril

Julgamento tinha sido adiado enquanto TRE aguardava nomeação de sétimo membro do colegiado.