sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

sexta-feira, 23 de fevereiro de 2024

Search
Close this search box.

Produtores perdem mais de mil litros de leite devido a quedas na energia no Paraná

Copel afirma que vai realizar serviços de inspeção e manutenção preventiva e dentro de 30 dias deve terminar instalação de religador automático na região.

Produtores de Candói, na região central do Paraná, acumulam perdas superiores a mil litros de leite neste início de ano devido a quedas na energia.

Como a energia é essencial para conservar leite armazenado, o produto tem estragado e os produtores têm sido forçados a jogarem a bebida fora.

É o caso de Elza Marques Sinhorin, que conta que nos cinco primeiros dias de fevereiro já houve duas quedas de energia na propriedade.

Com isso, a produtora rural teve que jogar fora mais de 1.200 litros de leite.

E o prejuízo vai além do produto perdido: a oscilação da energia também afetou o resfriador, que está no conserto.

Na propriedade de Josmar Wegner Miloski, a oscilação foi ainda maior. Ele conta que na semana passada percebeu cerca de 10 picos de energia por dia.

“Vinha a luz, ficava uns 10 minutos e desligava de novo. Aí mais uns 50 minutos sem luz, mais ou menos. Já fiz sete reclamações na Copel por conta disso”, relata o produtor, que já perdeu mais de 800 litros de leite.

O que diz a companhia de energia elétrica
A Companhia Paranaense de Energia (Copel) disse que os desligamentos registrados em janeiro e no início de fevereiro na área rural de Candói se devem a diferentes motivos. Entre eles, estão os temporais dos últimos meses.

A companhia também promete que, nos próximos dias, vai realizar serviços de inspeção e manutenção preventiva ao longo de toda a rede, incluindo vistoria das estruturas, substituição de componentes, poda de árvores, roçada da vegetação adjacente e instalação de novos equipamentos.

“Paralelamente, a Copel informa que está realizando, na rede da região, obras que somam aproximadamente R$ 10 milhões e vão beneficiar diretamente os consumidores assim que concluídas. Uma delas é uma interligação de rede trifásica rural, que integra o Programa Paraná Trifásico, e outra é a instalação de um religador automático, equipamento capaz de religar a rede rapidamente em alguns tipos de desligamentos. Com os investimentos, a expectativa é de uma redução no número e na duração de desligamentos”, afirma.

Queda de energia pode render indenização
A queda de energia pode render indenização aos consumidores. Apenas em 2023, a Copel recebeu 28 mil pedidos de ressarcimento de aparelhos e equipamentos supostamente danificados após problemas na rede de energia.

Do total, 7 mil foram indenizados – uma média um a cada quatro pedidos.

Conforme a Copel, o pagamento do conserto ou a troca do aparelho pode ser feito em 90 dias, caso os técnicos identifiquem que o problema foi causado na rede de energia.

A solicitação deve ser feita em até, no máximo, cinco anos após a data da ocorrência.

Com informações do G1

Veja também
Polícia prende três suspeitos de envolvimento em fuga de presídio de Mossoró

Polícia prende três suspeitos de envolvimento em fuga de presídio de Mossoró

Duas prisões foram feitas em flagrante e uma em cumprimento de mandado de prisão preventiva.

Helicóptero do Projeto Falcão ajuda a localizar e prender suspeito de roubo na BR-369

Helicóptero do Projeto Falcão ajuda a localizar e prender suspeito de roubo na BR-369

Aeronave, que tem câmeras de alta precisão de longo alcance, ajudou no acompanhamento tático do carro usado no assalto e na montagem do cerco que capturou o suspeito.